domingo, 2 de setembro de 2012

Isco (Málaga CF)

Bookmark and Share


A Espanha tem a capacidade de produzir novos talentos à velocidade da luz. Chega a ser irritante para quem não apoia a La Roja, mas esta máquina de jovens promessas está oleada por muito trabalho, preparação e planeamento. Aposta-se na formação desde os escalões de escolinhas e os miúdos com capacidades para o futebol são acompanhados em toda a linha, procurando-se uma formação ampla, desde os ensinamentos no que à modalidade diz respeito, à transmissão dos instrumentos de carácter como homem e ser social.

Isco é mais um dos jogadores que, com toda a certeza, darão que falar num futuro próximo. Não é que todo o seu talento ainda não seja reconhecido, mas, a médio prazo, será admirado e visto como uma referência para todos os jovens que vibram com futebol. Com 1,76 metros, o espanhol de 20 anos é dono de uma técnica e de uma visão de jogo invulgares. Passa com precisão científica, tanto de perto como de longe e tem um poder de arranque completamente explosivo.


Nome: Francisco Román Alarcón Suárez - Isco
Nascimento: 21/04/1992 (20 anos)
Naturalidade: Málaga - Espanha
Altura: 176 cm
Peso: 74 kg
Posição: Médio-Ofensivo
Clube: Málaga CF - Espanha
Percurso: Atlético Benamiel (até 2006), Valência (2006-2011), Málaga (desde 2011)
Nº Camisola: 22


O primeiro clube onde Isco começou a dar nas vistas foi no Atlético Benamiel. No emblema dos arredores de Málaga, o talentoso médio surpreendeu os observadores dos grandes de Espanha, que trataram de imediato em procurar a sua contratação. Assim, em 2006, com apenas 14 anos, o pequeno Francisco assinou pelo Valência, onde permaneceu até ao ano transacto. Logo na partida de estreia com a camisola do clube che, Isco apontou dois golos. Frente ao Logroñés, na Taça do Rei, o médio irrequieto jogou e encantou. Numa parceria com Paco Alcácer que ficou famosa, Isco foi preponderante na subida do Valência Mestalla à Segunda Divisão B do país.

No mercado de Verão de 2011, com Manuel Pellegrini ao leme, o Málaga, repleto de dinheiro no banco e com o objectivo de conseguir um lugar europeu (conseguido, dado que acabou no quarto lugar e com a qualificação para a fase de grupos da Liga dos Campeões), não se ensaiou muito para pagar a cláusula de rescisão do atleta do Valência (seis milhões de euros), na altura ainda com 18 anos. O jogo de estreia na Liga BBVA deu-se frente ao Granada. Numa goleada por 4-0, Isco não fez o gosto ao pé, mas a sua exibição bastou para o treinador do clube da Costa do Sol contar com o jovem para as escolhas iniciais de toda a época.

Em termos internacionais, Isco pode gabar-se por já ter sido convocado por Vicente Del Bosque para o plantel de uma Espanha que é bicampeã da Europa e campeã do Mundo, no caso para os amigáveis de preparação para o Euro 2012, frente à Sérvia e à Coreia do Sul. Em Julho de 2012 foi um dos elementos que alinharam pela Espanha sub 23, nos Jogos Olímpicos de Londres.

Vídeo:


Ao serviço de um Málaga que procurará surpreender na Liga dos Campeões, Isco terá a oportunidade de se dar a conhecer à Europa no seu palco mais grandioso. As suas qualidades não enganam ninguém. É daqueles jogadores que têm o estrelato mundial como único destino. Edinho, avançado internacional luso que está emprestado pelo clube que joga no La Rosaleda à Académica de Coimbra, afirmou numa entrevista ao site Futebol 365, no passado mês de Maio, o seguinte: «Isco é uma das maiores promessas do futebol espanhol, com um futuro enorme. Vejo-o, muito proximamente, no Real Madrid ou no Barcelona». Qualidade testada e confirmada!

Bruno Tomé

1 comentários:

Patryck - Admin. disse...

PARTICIPE DA SEGUNDA TEMPORADA DO SUPER QUIZ:
http://fcgols.blogspot.com.br/2012/09/super-quiz-londres-2012-desafio-1-bonus.html

2 de setembro de 2012 às 20:04

Enviar um comentário