terça-feira, 20 de outubro de 2009

Ryan Shawcross (Stoke City FC)

Bookmark and Share

Qualquer pessoa que seja um grande admirador da Premier League inglesa conhece Ryan Shawcross. Este jovem jogador assumiu-se desde a época passada como um dos pêndulos da forte defesa que possui o Stoke City. Formando uma dupla de luta com Faye Ab, os Potters assumem-se como uma das equipas mais difíceis de bater em casa. No Brittania Stadium apenas o Chelsea foi capaz de lá vencer esta temporada, e já nos descontos, com um golo furtuito de Florent Malouda.

Apesar de ser filho de pais galeses, Shawcross nasceu em território inglês, na cidade de Chester. Já em criança que este jovem jogador mostrava uma grande apetência pela prática futebolística, pois no colégio era membro dos Flintshire Boys, equipa de que fizeram parte estrelas como Michael Owen, Gary Speed e Ian Rush.

Desde cedo começou a dar nas vistas e o Manchester United decidiu incluí-lo nos seus escalões de formação. O seu faro pelo golo já se verificava nas equipas mais jovens dos Red Devils. As subidas à área de Ryan eram temerosas, facto que lhe rendeu dois bons golos contra o Nottingham Forest e Blackburn Rovers, no campeonato de sub-17. Em 2005/2006, ao serviço das reservas do campeão inglês, a jovem promessa foi uma presença regular, tendo efectuado boas exibições.



Nome: Ryan James Shawcross
Nascimento: 04/10/1987 (22 anos)
Naturalidade: Chester - Inglaterra
Altura: 183 cm
Peso: 76 kg
Posição: Defesa-Centro
Clube: Stoke City FC - Inglaterra
Nº Camisola: 17


No ano seguinte, em prol do pacto que o Manchester United mantém com o Antuérpia, Shawcross foi emprestado ao emblema belga. A sua presença foi regular e a sua maturidade cresceu a olhos vistos. Em 2008, o defesa-central teve a sua primeira oportunidade de se estrear na Premier League, não através do Manchester, mas pelo Stoke City, clube que na altura lutava pela manutenção. A sua afirmação foi uma questão de tempo, e agora, Shawcross encontra-se para o seu clube como Daniel Carriço se encontra para o Sporting. É uma promessa e uma confirmação. É uma certeza de qualidade e competência.

A nível internacional, Ryan Shawcross tem andado pelas selecções da Inglaterra e do País de Gales. Apesar de ter representado o País de Gales até ao escalão de sub-19, o jovem jogador representou a selecção de Sua Majestade nos sub-21. Actualmente Shawcross é considerado Galês e mostra vontade em representar essa selecção, por ser o país dos seus pais.

O impressionante jogo de cabeça que Shawcross possui é uma arma mortífera se não for devidamente vigiada. A sua impressionante estrutura física e a a sua força fazem qualquer avançado pensar duas vezes antes de o tentar ultrapassar. A velocidade é um dos seus pontos fracos, mas défice normal em jogadores com as suas caracaterísticas. Sem dúvida um aspecto a melhorar...

Bruno Tomé

1 comentários:

Juninho disse...

aaaaa

25 de outubro de 2009 às 01:03

Enviar um comentário